Os imprevistos de uma pré-estréia

Thomas

Não adianta, não tem como prever o comportamento de bebês. Deixa eu explicar: Fomos convidadas para um evento a pré estréia do filme “ Thomas e seus amigos – O Rei da Ferrovia”.  Filme breve, voltado para público infantil , então não pensei duas vezes em levá-la a esse passeio que tinha tudo para ser gostoso. Tinha.

 

Porque não foi fácil. Bianca só queria chão e como ela é pequena e tem aquele tumulto é complicado deixar ela solta livremente. E ela chorava, reclamava… O convite dizia as 10hrs, chegamos 20 minutos antes e mesmo assim teve seu atraso considerável e programado para que houvesse um “welcome coffe” no começo, algo do gênero.

A sala demorou a ser liberada e eu não agüentava mais ficar em pé atrás da Bianca ou com ela no colo. Todos os organizadores do evento me ajudando e sendo bastante solícitos com tudo.

A organização devo dizer que estava excelente. Bem voltada ao público infantil. Não tinha lotação demais para não deixar as crianças muito estressadas, cardápio voltado para eles ( Embora a Bianca não comesse nada ainda porque seus dentes estão nascendo agora).

bruno@brunoryfer.com-0263Pipoca na entrada, ambiente de teatro mais clima de cinema. O evento começou com uma breve apresentação da atriz Juliana Paes que estava presente com seu filho mais velho. Apresentação rápida e logo começou o filme.

bl1

10 minutos foi o suficiente para que eu percebesse que eu não conseguiria ficar com ela ali. Tive vontade de enfiar minha cabeça de baixo da areia tamanha era minha vergonha. Logo ela que em todos os eventos sempre se comportou tão bem. Inclusive em cinemas.

 

 

 

Sai de lá de fininho com um livro quebra cabeças do “Thomas e seus amigos” , bem bacana por sinal, ela com um balão toda feliz e eu envergonhada achando que ficaria enclausurada o resto da minha vida.

Chego em casa e adivinha a surpresa quando tiro o sapatinho dela? Dedos todos machucados e pés vermelhos de dar dó. Ela que quando eu estava vestindo não queria meias, deixei sem. Pensei, se a gente sai sem meias,  bebês quando crescem saem também certo? Errado. Ela tadinha mal conseguia andar mesmo já livre dos sapatos.

E eu a culpando pelo mal comportamento, estranhando, achando que era dente, que era tudo, me sentindo a pior mãe do mundo, jamais me passou pela cabeça ser o sapato que estava apertando e machucando. Inclusive chegou a cortar.

É minha gente, acho que aprendi uma lição valiosíssima! Que comportamento de criança é imprevisível e quando a criança não consegue se expressar é um eterno jogo de adivinhação, que nesse dia perdi feio.

Siga nosso Instagram e aproveite cada detalhe!

Join to Instagram