Quando devo dar doces ao meu filho?

brigadeiroQuando devo começar a dar doces ao meu filho? Devo dar o quê e com que regularidade? Esses e muitos questionamentos surgem porque eu não creio que impedir é a melhor maneira. Em algum momento seu filho terá contato com doces. Seja em festinhas infantis, na casa de avós e coleguinhas.

 

Mas é importante saber que esses doces ingeridos entre as refeições contribuem para perda do apetite e interfere. Levando as crianças a comerem menos nas refeições mais nutritivas, privando o organismo a se privar de nutrientes essências ao crescimento e desenvolvimento.

“O metabolismo dos açúcares gasta vitamina B1 que é muito importante para as funções cerebrais, e o excesso pode levar a hiperatividade, fora a constipação e a presença de cáries. O consumo excessivo dos mesmos leva a aumentos rápidos da insulina o que resulta na saciedade rápida e também, logo depois, no aumento rápido da fome.” Afirma a nutricionista Artênia Alencar.

Daí a importância de evitar o doce/açúcar na alimentação da criança para que não se crie uma dependência por isso é importante evitar alimentos industrializados feitos exclusivos para as crianças ricos em conservantes e açúcar justamente para vender mais. O consumo de açúcar refinado prejudica a absorção de cálcio que é importantíssimo para os dentes e ossos.

Sabemos como é difícil (quase impossível) controlar um filho em uma festa infantil com aquela mesa repleta de doces. Mas o importante é deixar claro que primeiro a refeição nutritiva, e depois, moderadamente, o doce.

Procure também ver sempre os rótulos dos alimentos que pretende oferecer. Analise com calma o que tem dentro do alimento colorido e lindo que enche os olhos de toda criança. Entenda também que açúcar é a mesma coisa que: Sacarose, glicose, glucose, frutose, dextrose, maltose, xaropes de milho.

Em conversa com o pediatra da Bianca, Dr. Silviano Cerqueira, ele me disse que quanto mais doces mais energia, então ela tem toda aquela energia que precisa ser queimada, por isso há casos de crianças que dormem mal e hiperativas como você leu acima. E ele acredita que, com moderação, a idade deve ser por volta dos três anos.

Bianca já experimentou doces. Confesso. Mas sempre com moderação e muito, muito raramente. E lendo todos os conselhos da nutricionista Artênia Alencar e os conselhos do Dr. Silviano Cerqueira, confesso que os doces ficarão mais restritos ainda. Não proibidos. Mas definitivamente, não serão liberados a vontade.

Contribuição da Nutricionista Artênia Alencar.

 

 

 

 

 

Siga nosso Instagram e aproveite cada detalhe!

Join to Instagram